Segunda, 15 de Julho de 2024
62 99600-5969
Senado Federal Senado Federal

Adiada votação do projeto que transforma em crime hediondo assassinato de juízes

A pedido do relator da matéria, senador Weverton (PDT-MA), foi adiada a votação do projeto de lei que classifica como crime hediondo o assassinato ...

30/04/2024 18h26
Por: Redação Fonte: Agência Senado
 - Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado
- Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

A pedido do relator da matéria, senador Weverton (PDT-MA), foi adiada a votação do projeto de lei que classifica como crime hediondo o assassinato de juízes, promotores, procuradores, defensores e advogados públicos, oficiais de Justiça e policiais legislativos e judiciais. O PL 4.015/2023 estava na pauta do Plenário desta terça-feira (30).

Conforme a proposta, a nova tipificação dependerá de o crime ter sido praticado contra a vítima no exercício de suas funções ou por causa delas, ou pela condição de parente da autoridade.

O projeto já foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). O texto recebeu voto favorável de Weverton, que acatou emendas para aumentar o rol de autoridades cujo assassinato pode vir a ser considerado crime hediondo. O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, informou que o projeto será incluído na pauta de votações do Plenário na próxima terça-feira (7).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Paraíso do Tocantins, TO
Atualizado às 19h54
24°
Tempo limpo

Mín. 18° Máx. 32°

23° Sensação
1.54 km/h Vento
35% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (16/07)

Mín. 19° Máx. 34°

Tempo limpo
Amanhã (17/07)

Mín. 20° Máx. 34°

Tempo limpo
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias